Seja bem-vindo ao Madelyn Cline Brasil, sua maior e melhor fonte brasileira sobre a atriz Madelyn Cline. Aqui você encontrará informações sobre seus projetos, campanhas e muito mais, além de entrevistas traduzidas e uma galeria repleta de fotos. Navegue no menu e divirta-se com todo o nosso conteúdo. Somos um fã site não-oficial, sem fins lucrativos e não possuimos qualquer ligação com Madelyn Cline, sua família ou seus representantes. Esperamos que goste e volte sempre!

Por Hunter Ingram (18 de setembro de 2020).

O verão americano pode estar terminando, mas as duas estrelas de Outer Banks da Netflix ainda estão trazendo o calor com um novo videoclipe filmado em Carolina Beach e Fort Fisher.

Chase Stokes e Madelyn Cline, um casal da vida real que estrelam como John B e Sarah na série de sucesso, se apaixonam novamente ao som do novo remix de Kygo do clássico hit de Donna Summer de 1979, “Hot Stuff”.

No videoclipe, lançado na sexta-feira, Stokes e Cline podem ser vistos dançando no The Fat Pelican e andando de bicicleta pelo histórico Fort Fisher State Historic Site e Carolina Beach State Park.

O projeto foi produzido pela Lighthouse Films em Wilmington, que conseguiu o emprego após se conectar com Jonas Pate, um residente local que também é o co-criador, escritor e diretor de Outer Banks.

“Jonas é um grande cara e ele realmente quer trazer muitos filmes de volta para Wilmington, e nós ficamos emocionados por fazer parte disso”, disse Brad Walker, proprietário da Lighthouse Films e diretor de fotografia do videoclipe.

O videoclipe foi gravado no final de julho, sob estritas condições da COVID-19. Walker disse que, em conjunto, eles tinham um oficial designado encarregado de garantir que os protocolos estavam sendo seguidos, apelidado de “Capitão COVID”.

Máscaras foram usadas por todos e padrões de distanciamento social foram seguidos. Mas isso não significava que eles não pudessem ao máximo a chance de produzir um videoclipe para um dos produtores musicais mais prolíficos e populares do mundo, estrelado por duas das jovens estrelas mais quentes da Netflix.

Walker disse que Pate trouxe o projeto para a Lighthouse, mas confiou neles para executar o conceito, concebido pelo diretor Bo Webb, que é inspirado na letra de abertura da música – “Sittin’ here eatin’ my heart out waitin’, waitin’ for some lover to call.”

A história segue uma jovem (Cline) esperando por um jovem (Stokes) sob as árvores sopradas pelo vento de Fort Fisher, que a puxa para uma festa de dança para duas pessoas no The Fat Pelican e um passeio alegre em uma bicicleta retrô.

“Bo realmente teve uma visão para este videoclipe e nós conseguimos trazê-la à realidade”, disse Walker. “Ele também é o operador da câmera A em ‘Outer Banks’, então ele já conhecia (Chase e Madelyn) e tinha um relacionamento com eles…o que tornou tudo divertido.”

A vibração eclética do Fat Pelican permitiu à produção brincar com iluminação colorida para definir o pano de fundo para as cenas de dança de Stokes e Cline. “Nós realmente pudemos brincar nesses locais e pendurar todos os tipos de luzes para criar essa vibe dos anos 70”, disse Walker. “Foi como entrar no sonho de um decorador de arte.”

Para contribuir com a vibe do throwback, Walker usou uma câmera portátil Bolex 1954 para filmar, a fim de capturar imagens em estilo strip para o vídeo e os teasers promocionais que a Lighthouse Films postou nas redes sociais até o lançamento.

O videoclipe chega quando Stokes e Cline começam a produção da segunda temporada de Outer Banks em Charleston. Pate esperava anteriormente filmar a série em Wilmington, o que ele imaginou quando escreveu a primeira temporada. A série deve retornar em 2021.

Confira as stills, fotos dos bastidores e as screencaps em nossa galeria.

Matéria: StarNews Online.

Winnie, Betty and… é o novo episódio da série de podcasts da Must B Nice inspirada no nosso ‘novo normal’. Foi escrito por Lily Houghton e estrelou Madelyn Cline (Outer Banks), Sydney Sweeney (Euphoria) e Shannon Purser (Stranger Things) com uma partitura original de Giullian Yao Gioiello.

O curta conta com a história de duas amigas afastadas são forçadas a se reconectar quando uma delas começa a trabalhar para o terapeuta virtual da outra.

Estamos vivendo tempos sem precedentes. Não sabemos muito sobre o que os próximos meses nos reservam, mas o que sabemos é o seguinte: você não está sozinho. É por isso a Must B Nice pediu aos seus contadores de histórias favoritos para contar histórias narrativas inspiradas em nosso ‘novo normal’. A série de podcasts se chama Day by Day. No último mês, eles contaram diversas histórias para ajudar as pessoas à lidarem com essa nova fase da vida. A série foi produzida por Adam Faze e Jamie Dolan com mixagem e design de som por Becket Cerny.

O objetivo principal do episódio Winnie, Berry and… é arrecadar dinheiro para o To Write Love on Her Arms, que apoia os que sofrem de depressão, dependência e lesões pessoais, conectando-os a centros de tratamento, grupos de apoio e outros recursos. Para doar, visite www.twloha.com ou, se você puder usar alguém para conversar, envie TWLOHA para 741741.

A série de podcasts já está disponível em diversas plataformas. Para conferir, clique aqui.

De Boy Erased da Focus Features a Stranger Things da Netflix e Vice Principals da HBO, Madelyn Cline deixou sua marca em uma variedade de projetos populares nos últimos três anos. Saltando entre cinema e televisão, ela estrelou recentemente com Sofia Hublitz em What Breaks the Ice. Cline será vista em seguida no filme selecionado pelo TIFF The Giant, ao lado de Odessa Young, e Once Upon a Time in Staten Island da Blumhouse, ao lado de Naomi Watts.

Madelyn conquistou o mundo com o seu co-protagonismo na série Outer Banks da Netflix, que continua sendo uma das sete principais séries da plataforma. Ela participou de um webinar da Guests & Gusto para falar mais sobre seus projetos e carreira criativa.

Durante a conversa, ela conta como foi o processo de seleção para Outer Banks. “Tenho um bom relacionamento com a pessoa que estava selecionando o elenco, e ela ligou para minha agente contando sobre a história. Inicialmente achei estranha, mas acabei lendo o roteiro e gostando muito. Era para eu fazer teste como Kiara, mas no final das contas eu acabei ficando com o papel de Sarah, que me deixou muito feliz. Fui até Charleston fazer a audição, e conheci Jonas (sem saber). Imediatamente me dei bem com ele e Lilah, sua filha. Depois disso o processo foi bem rápido.”

Sobre videos de audição, ela expressa: “Não goto de me filmar sozinha para as audições. Não é uma coisa natural. Mas já que temos que passar por isso…coisas que me deixam mais à vontade nessa situação: brincar com o espaço que eu tenho. Se no roteiro está escrito que você levanta, na fita você levanta também. Não fica só sentada e parada. Olha para os lados como se estivesse realmente alguém com você, gesticula bastante. Mesmo agora, durante a live, estou mexendo muito nas minhas mãos. Isso me deixa mais humanizada. Acaba deixando a coisa mais natural e fácil para mim, então esses são meus truques.”

Quando perguntada sobre o sucesso de Outer Banks, ela afirma: “O que mais chama atenção das pessoas é a nossa química como elenco. A pessoa que contratou esse específico cast fez um ótimo trabalho. Literalmente, o que você vê na tela é o resultado da nossa amizade fora dela. Nos demos tão bem e viramos praticamente uma família, e o fato de estarmos passando por tudo isso – o sucesso da série – juntos só deixa tudo melhor.”

Confira o video completo:

disclaimer
O Madelyn Cline Brasil é um fã site não-oficial, sem fins lucrativos, e não possui qualquer ligação com Madelyn, sua família ou seus representantes. Todo o conteúdo aqui apresentado, tais como notícias, traduções e gráficos, pertence ao site a não ser que seja informado o contrário. Nós não reivindicamos direito de propriedade sobre nenhuma foto em nossa galeria, as mesmas pertencem aos seus respectivos donos e estão sendo usadas de acordo com a lei americana de Fair Use § 107.
Layout criado e desenvolvido por Lannie.D | Host: flaunt.nu